Objetivo

O objetivo do projeto Virada da Paz é oportunizar que 90 crianças e adolescentes, entre 07 e 17 anos, através da prática do judô, um espaço de convívio social que estimule a cultura da paz para que, dentro e fora do tatame, aprendam a se comunicar de forma empática.

Sobre o Projeto

Com o apoio do jogo Grok e do teatro de fantoches pretende-se transmitir os princípios da Comunicação Não-Violenta (CNV) ou Comunicação Empática desenvolvida pelo psicólogo Marshall Bertram Rosenberg, para que os alunos construam um novo saber e promovam mudanças na forma como interagem entre si.

A cultura focada no que falta, foi gerando desestímulo, revolta e muitos conflitos que tem se manifestado através de comportamentos violentos entre crianças e adolescentes, como o bullying na escola que, segundo um estudo da Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) divulgado em 2018, um em cada três alunos de 13 a 15 anos de idade é vítima dessa violência e cerca de 30% admitem ter praticado bullying contra colegas.

Para mudar esse quadro buscamos uma prática que tem em sua essência a não violência e preconiza os princípios da cultura da paz: o Judô. O Judô, que significa caminho suave, permite que o praticante aprenda a aceitar a vida e as pessoas como são, vivendo assim suavemente, com humildade e determinação para transformar a si mesmo e apoiar a transformação dos que cruzam o seu caminho.

Demais Projetos

Conheça outros projetos.

OLHAR NO PRESENTE, VISÃO DE FUTURO ANO IV (RS)